Enfim, Santa Catarina tem design

DESIGN CATARINA

Não, não queremos excluir alguns desbravadores. Alguns designers solitários que durante as últimas décadas insistiram em mostrar para o nosso estado a importância do design. Nosso título acima faz alusão a um novo momento da indústria catarinense. Uma indústria que durante o século passado sempre foi muito focada nos processos massificados, modulados na indústria moveleira, cama, mesa e banho na indústria têxtil. A competição com os eficientes chineses fez a gente perceber, antes tarde do que nunca, que só o design pode salvar.

O trabalho em parceria com importantes designers nacionais como Ronaldo Fraga, Mario Queiroz e Fernanda Yamamoto, revitalizaram a produção de tecidos para confecção. E colocaram no foco marcas como RenauxView e Hoepcke Bordados. Essa última, uma centenária fabrica de rendas que teve inicio em 1913, em Florianópolis.  Investimentos em tecnologia avançada, mas principalmente na criatividade dos jovens designers, produziu o que a gente viu hoje na exposição Design Catarina, realizada na FIESC e parte integrante da Bienal Brasileira de Design que acontece, em Florianópolis, entre os dias 15 de maio à 12 de julho.

Na parte de moda e confecção destaca-se a Hoepcke Bordados, com rendas estilo guipure feitas com fios entrelaçados 100% poliéster num resultado moderno e contemporâneo.  Com tiras de poliuretano tingidas e entrelaçadas entre si, a marca de calçados Raphaella Booz, de São João Batista, também apresenta um belíssimo trabalho em calçados e bolsas artesanais. Alpargatas com design inspirado nos barcos de pescadores da ilha e misturas de tramas como as rendas de bilro mostram como o design criativo de um estilista como o mineiro Ronaldo Fraga pode agregar valor ao trabalho de pequenas e médias empresas do setor calçadista do estado. Do sul, a marca de jeans Damyller, levou tiras de denin para o tear e tramou um belo casaco de inverno.

O design de móveis merece destaque a parte. Com cadeiras e sofás leves, alegres e aconcegantes. O jovem designer de apenas 22 anos de Jaragua do Sul, Roberto Mannes Junior e sua Poltrona e Puff Mess vão buscar no universo infantil a justificativa para o tamanho grande da peça. Para uma criança, o mundo é relativamente maior, uma brincadeira cheia de sensações e devaneios. A exposição trás também bicicletas elétricas, as E-Bikes Woie, do designer Joel Ricardo Rodrigues, de Rio do Sul. Uma ótima opção para quem busca segurança, praticidade e ainda quer chegar no horário. Pequenas geladeiras Consul com design retrô, embalagens, utilitários e luminárias fazem parte do repertório pra lá de criativo.

A Mostra que está acontecendo na FIESC, vai até 12 de julho. Vale a pena conferir!

 

QUANDO: De 2 de junho a 12 de julho

ONDE: Fiesc – Hall  de eventos da Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina

Rod. Admar Gonzaga, 2765 – Itacorubi – Florianópolis

HORÁRIO: seg à domingo das 10h às 18h – entrada livre

 

Escrito por

Uma jornalista de moda que adora mergulhar na profundidade das coisas e que abomina superficialidades. Principalmente quando dizem que a moda é superficial! Ama um bom cashmere, um acessório marcante e um sapato confortável, sem nunca abrir mão da arte e do design.

DEIXE UM COMENTÁRIO